OAB-AM participa de audiência pública da ALEAM sobre falhas na prestação de serviços de telecomunicações no Amazonas

158
(FOTO: Ingrid Anne/OAB-AM)

Na tarde desta quarta-feira, dia 29 de novembro, a Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Amazonas (OAB-AM), marcou presença na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALEAM) durante uma Audiência Pública que debateu soluções para as falhas na prestação de serviços de telecomunicações no Amazonas.

A seccional foi representada pelo Conselheiro Seccional e Vice-Presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da OAB-AM, João D’Archc.

Conselheiro Seccional e Vice-Presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da OAB-AM, João D’Archc. (FOTO: Ingrid Anne/OAB-AM)

“O encontro teve como foco principal discutir as recorrentes falhas na prestação de serviços de telefonia móvel e internet no estado do Amazonas. A participação ativa da OAB-AM na audiência visou oferecer esclarecimentos ao parlamento e à sociedade amazonense, buscando adotar as medidas adequadas diante da atual situação do gerenciamento do setor de telecomunicações na região”, informou o conselheiro.

O objetivo central desta iniciativa foi promover um ambiente de diálogo construtivo para nivelar informações, debater as questões em pauta e encaminhar disposições que visem corrigir as falhas constantes na oferta de serviços de telefonia móvel e internet no Estado do Amazonas.

João D’Archc, em sua participação, ressaltou a importância de uma abordagem colaborativa entre a sociedade, as instituições representativas e as empresas do setor de telecomunicações.

“Estamos aqui para, juntos, encontrarmos soluções eficazes que beneficiem a população do Amazonas. É fundamental que haja transparência e responsabilidade por parte das empresas na oferta desses serviços essenciais”, afirmou o representante da OAB-AM.

A OAB-AM reitera seu compromisso em zelar pelos direitos dos consumidores e em contribuir ativamente para a melhoria contínua dos serviços oferecidos no estado. A Ordem permanece atenta e engajada em questões que impactam diretamente a qualidade de vida e a satisfação da população amazonense.

Artigo anteriorPresidente da OAB-AM enfatiza Desafios e Oportunidades do Federalismo na 24ª Conferência Nacional da Advocacia Brasileira
Próximo artigoOAB-AM participa de implementação de Grupo de Trabalho do DNIT para reconstrução da BR-319