OAB-AM realiza seminário para discutir os direitos fundamentais da criança e do adolescente

93
(FOTO: Ingrid Anne/OAB-AM)

A Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Amazonas (OAB-AM), por meio da Comissão de Proteção à Criança e ao Adolescente, realizou nos dias 18 e 19 de outubro, o Seminário Estadual de Direitos Fundamentais da Criança e do Adolescente. O evento aconteceu no Auditório da Escola Superior da Advocacia (ESA-AM), localizado na Rua São Benedito n° 22, bairro Adrianópolis.

Durante os dois dias de evento, foram realizadas diversas palestras que abordavam o tema dos direitos da criança e do adolescente, abordando temas como crimes cibernéticos, violência nas escolas, violência no âmbito familiar, além de tratar da saúde física e mental.

Para o presidente da OAB-AM, Jean Cleuter Mendonça, o evento demonstra o compromisso da Ordem dos Advogados do Amazonas em promover a proteção e o bem-estar das futuras gerações.

“A realização do seminário pela OAB-AM para debater os direitos fundamentais da criança e do adolescente é um passo crucial em direção a uma sociedade mais justa e igualitária, além de reforçar o compromisso da nossa Seccional em defender os direitos das crianças. Parabenizo a Comissão por sua dedicação à proteção dos mais vulneráveis em nossa comunidade. A advocacia desempenha um papel vital na promoção desses direitos, e este evento é um marco importante em nossa missão conjunta”, declarou Jean.

De acordo com a presidente da Comissão de Proteção à Criança e ao Adolescente, Thandra Sena, o principal objetivo do seminário é divulgar e debater os direitos fundamentais da criança e adolescente no contexto brasileiro.

Presidente da Comissão de Proteção à Criança e ao Adolescente da OAB-AM, Thandra Sena (FOTO: Ingrid Anne/OAB-AM)

“O foco vai ser trabalhar os direitos fundamentais dos adolescentes e das crianças no contexto brasileiro. Para isso trouxemos como palestrantes, delegados, defensores que trabalham com a questão da proteção da criança e do adolescente principalmente vítimas de violência sexual. Também trouxemos profissionais da área de saúde, da psicologia, e advogados que atuam diretamente com a questão da infância para trabalhar questões como os direitos nas escolas.”, afirma Thandra.

Segundo o Delegado da Polícia Civil do Amazonas, Ivo Martins, que realizou a palestra “Crimes contra o menor de 18 anos”, é muito importante que essa temática seja debatida.

Delegado da Polícia Civil do Amazonas, Ivo Martins (FOTO: Ingrid Anne/OAB-AM)

 “O tema que me foi proposto, sobretudo por conta da minha experiência prática, envolvendo a delegacia de homicídios, foi para falar sobre homicídios praticados contra crianças e adolescentes. É uma temática que nos últimos anos tem sido muito discutida, por conta dos números elevados de mortes que ocorrem dentro dos âmbitos domésticos e inclusive nas ruas. Então dialogar com a população, essa temática é sempre muito importante, para que a gente possa fomentar o estudo relacionado a esse tema”, disse Ivo.

O evento pode ser conferido na íntegra através do canal do YouTube da ESA Amazonas.

Artigo anteriorOAB-AM e PGFN firmam parceria para fortalecer a advocacia amazonense
Próximo artigoOutubro Rosa: OAB-AM promoveu ação social com atendimentos médicos gratuitos neste sábado (28)