OAB-AM participa de evento do TRE-AM sobre Justiça Eleitoral e Povos Indígenas em prol do acesso ao voto

114
Foto: Cristie Sicsú/OAB-AM

Nesta quinta-feira, dia 11 de maio, a Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Amazona (OAB-AM), por meio da Comissão de Amparo e Defesa dos Direito dos Povos Indígenas, participou da palestra do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas sobre Justiça Eleitoral e Povos Indígenas em prol do acesso substancial ao voto. 

A palestra teve como objetivo discutir a importância do voto dos povos indígenas e como garantir efetividade ao exercício dos direitos políticos dessas comunidades.

O presidente da OAB-AM, Jean Cleuter Mendonça, destacou a importância dos povos indígenas serem incluídos nas tomadas de decisão de nosso país. 

“Para garantir a representatividade dos povos indígenas na mesa de poder da democracia, é fundamental que eles tenham seus representantes eleitos por meio do voto. Por isso, o Estado deve estabelecer mecanismos que facilitem o exercício desse direito, evitando falhas na comunicação intercultural”, disse o presidente da Seccional. 

FOTO: Cristie Sicsú/OAB-AM.

Representando a OAB-AM no evento, presidente da Comissão de Amparo e Defesa dos Direito dos Povos Indígenas, Inory Kanamari, destacou a importância da participação no evento, que visa garantir o direito de voto dos povos indígenas.

“Hoje, a OAB do Amazonas está presente no TRE em um evento que busca levar urnas eletrônicas para as aldeias indígenas em áreas remotas. É importante que a Ordem dos Advogados e representantes indígenas participem dessa iniciativa, já que as decisões afetarão as comunidades indígenas. É uma oportunidade para nos posicionarmos em um ambiente que ainda não conhece nossas necessidades”, disse Inory Kanamari. 

A palestra do TRE-AM buscou dar visibilidade aos povos indígenas, que são uma parcela importante da população para a preservação e o fortalecimento da democracia brasileira. Além da palestra, houve uma exposição de artefatos e artesanatos indígenas e pintura corporal.

Artigo anteriorOAB-AM publica nota de repúdio e solidariedade em prol de advogado agredido em Rio Preto da Eva
Próximo artigoOAB-AM participa da comissão organizacional do II Concurso Público Nacional Unificado para Magistratura do Trabalho