Comissão indígena da OAB-AM realiza visita institucional ao CNJ para tratar sobre reivindicações de lideranças

37

Nesta terça-feira, dia 18 de abril, a Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Amazonas (OAB-AM), representada pela presidente da Comissão de Amparo e Defesa dos Direitos dos Povos Indígenas, Inory Kanamari, realizou uma visita institucional ao Juiz auxiliar da presencial e coordenador do departamento de monitoramento e fiscalização do sistema carcerário e de execução de medidas socioeducativa (DMF) do Conselho Nacional de Justiça, Luis Geraldo Sant’Anna Lanfredi, em Brasília.

O objetivo da visita foi tratar sobre as reivindicações das lideranças indígenas em relação a educação no Amazonas, que aconteceram durante o evento “Vozes da Floresta”, primeiro evento indígena da OAB-AM, realizado na última quinta-feira, dia 13 de abril.

A atual gestão da Seccional, triênio 2022 – 2024, presidida por Jean Cleuter Mendonça, destaca a preocupação com os direitos dos povos indígenas e criou a primeira comissão indígena da OAB-AM, em 2022, para assegurar a proteção dos direitos dos povos indígenas, fiscalizar as pautas análogas em todo Estado, estando sempre atenta para defender os povos e as comunidades, pautados no princípio da constituição federal, que garante proteção e direito a todos.

Artigo anteriorAudiência pública da OAB-AM reuniu autoridades e especialistas em segurança e educação
Próximo artigoOAB-AM participa de Ciclo de Palestras sobre Autismo promovido pelo TRT-11