OAB-AM e Sinetran-AM firmam parceria para combater a importunação sexual no transporte coletivo de Manaus

167

Diretoria da Ordem, representantes das Comissões da Mulher Advogada, Mobilidade Urbana e do Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo (SINETRAM) assinaram na manhã desta quinta-feira, 20/08, um Termo de Cooperação Técnica que visa a união de esforços para combater a importunação sexual no transporte coletivo da capital.

A campanha já está nas ruas e teve sua primeira ação nesta semana, com a fixação de cartazes nos ônibus que circularam pela Estação São Jorge, além da distribuição de panfletos e orientação aos motoristas, cobradores e usuários do transporte público. “A importunação sexual é um assunto de grande importância para toda a nossa sociedade e a conscientização deve ser de todos os setores sobre o tema, não somente do setor público”, destacou o presidente da Ordem, Marco Choy.

A iniciativa visa dar visibilidade e sensibilizar a população, principalmente os passageiros sobre a gravidade da importunação sexual dentro dos coletivos e incentivar as vítimas à denunciar. Para a vice-presidente da OAB/AM, Grace Benayon, iniciativas como essa que fazem a diferença na sociedade. “A OAB pensa na sociedade como um todo, ela entende seu papel social, um compromisso real e efetivo com o tema. Importunação é um crime que poucos conhecem e por isso é tão necessário levantar essa bandeira para a construção de uma sociedade mais justa”, afirmou. A presidente da Comissão da Mulher Advogada, Maria Gláucia Barbosa, destaca que a campanha faz parte da agenda maior de outras ações estabelecidas pela parceria entre a OAB/AM, através das Comissões da Mulher Advogada e Transportes e Mobilidade Urbana e SINETRAM, na implementação da Lei Municipal N. 2.646, de 3 de agosto de 2020, que institui medidas de prevenção contra o assédio sexual às mulheres nos transportes coletivos de Manaus.

O presidente do Sinetran-AM, Algacir Gurgacz, destacou o compromisso das empresas em apoiar a campanha e informou que os cartazes da campanha serão fixados em todos os veículos das nove empresas que atuam no transporte coletivo em Manaus, além de publicações para as redes sociais. Todas as peças publicitárias trazem números de telefone e orientações para realizar as denúncias. “Estão previstos para este mês de agosto, ainda, treinamentos e palestras voltados aos funcionários do transporte coletivo e ao público em geral com foco na orientação sobre como agir nos casos de importunação sexual contra as mulheres com a colaboração de advogadas e advogados”, afirmou Gurgacz.