Advogados apresentam reivindicações à Secretaria de Administração Penitenciária

85

Advogados que integram a Comissão de Defesa das Prerrogativas da OAB-AM, Procuradoria de Prerrogativas, Comissão de Segurança Pública e representantes da Associação Brasileira dos Advogados Criminalistas no Amazonas (Abracrim-AM) apresentaram à Corregedoria da Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Seap) um relatório com reivindicações em torno das dificuldades enfrentadas nas dependências das unidades prisionais no exercício da advocacia.

Demora excessiva para cumprimento dos alvarás de soltura, falta de estrutura nas cabines dos parlatórios, deficiência de pessoal, descumprimento dos horários para acesso dos advogados, entre outros problemas foram relatados ao corregedor da Seap, André Cunha. O representante jurídico da pasta alegou que desconhecia as dificuldades e afirmou que as reivindicações são pontuais e firmou o compromisso de encaminhar os relatos ao secretário Cleitman Rabelo Coelho.

Uma das sugestões apresentadas e prontamente acordadas durante a reunião foi a destinação de um livro de ocorrências em cada unidade prisional para que o advogado (a) possa relatar as dificuldades encontradas no exercício da advocacia junto às cadeias, presídios e centros de detenção do Estado.

 

Artigo anteriorA OAB/AM tem orgulho em receber o apoio de uma empresa tão conceituada como a Serama Manaus.
Próximo artigoCaminhada Empodera Mulher acontece neste domingo, 25