Polícia Civil prende homem que se passava por advogado

79

O presidente da OAB-AM, Marco Aurélio Choy, acompanhou a apresentação que a Polícia Civil fez nesta manhã de  Ricardo Colares Barros, 40, preso por estelionato. Conforme a autoridade policial, Ricardo tem histórico criminal e foi denunciado por forjar ser advogado e obter de forma ilícita R$ 23 mil de cliente.

O infrator possui mandado de prisão preventiva expedido pela Justiça do estado do Ceará, além de já ter respondido a cinco ações penais pelo mesmo crime no Amazonas.

 

Ricardo foi estagiário da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Ceará (OAB-CE), por isso tinha conhecimento jurídico e conseguia enganar as vítimas.

 

O delegado Aldeney Goes ressaltou que Ricardo foi denunciado por estelionato em distintas delegacias da capital, conforme Boletins de Ocorrência (BOs) registrados nas unidades policiais. Mais informações serão repassadas durante a coletiva de imprensa.

Artigo anteriorApós pedido da OAB-AM, Governo anuncia vistoria nas barragens de Presidente Figueiredo
Próximo artigoChoy e Grace tomam posse dia 5 no Teatro Amazonas