Polícia Civil prende acusada de cometer sequestros relâmpagos contra advogados no AM

122

A Polícia Civil do Amazonas, representada pelos delegados Guilherme Torres e Demetrius de Queiroz, titular e adjunto, respectivamente da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd), anunciou na manhã deste sábado 9/02,  o cumprimento de mandado de prisão preventiva em nome de Katiane Andrade Pontes, 38, pelo crime de roubo majorado e participação em organização criminosa contra advogados que atuam na área criminal na capital.

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Amazonas (OAB-AM), Marco Aurélio Choy, destacou a atuação eficiente da Polícia que ajudou a tirar de circulação a mulher que conforme denúncias tinha como principal alvo, advogados criminalistas. Todo o trabalho foi acompanhado pela Procuradoria de Prerrogativas da OAB Amazonas e pela Associação dos Advogados Criminalistas do Amazonas, presidida pelo advogado Cândido Honório Neto.

De acordo com o delegado Guilherme Torres, a infratora foi presa na sexta-feira (8/2), por volta das 12h, em via pública, nas proximidades de um supermercado na zona norte da cidade. Após consulta ao Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp), a equipe de investigação da especializada identificou que Katiane já possuía 26 boletins de ocorrência registrados por diversos crimes, como roubo, estelionato, ameaça, entre outros.

FOTOS: Erlon Rodrigues / AIPCAM

 

Artigo anteriorAnielo Aufiero e Beto Simonetti compõem Comissão da OAB que vai analisar PL Anticrime
Próximo artigoJustiça Federal declara ilegal decreto que permite taxistas de cobrar valor tabelado nas corridas para Aeroporto e Tropical Hotel