ESA recebe homenagem da Câmara Municipal de Manaus por seus 16 anos de existência

95

A Câmara Municipal de Manaus (CMM) homenageou na tarde desta quinta-feira, 03, no Plenário Adriano Jorge a Escola Superior de Advocacia (ESA), da Ordem dos Advogados do Brasil – seccional Amazonas (OAB-AM) por seus 16 anos de existência.

Uma placa de reconhecimento foi entregue pelo vereador Sargento Bentes Papinha (PR), proponente da homenagem, ao Diretor Geral da Instituição Paulo Trindade que agradeceu o reconhecimento dado a Escola. “Só na nossa gestão, foram mais de quatro mil advogados que passaram pela ESA, o que mostra a importância desta instituição na qualificação e aperfeiçoamento de nossos advogados, recebo com muita alegria essa placa e compartilho com todos os que contribuem para que a Escola esteja nesse patamar”.

Para o vereador Sargento Bentes Papinha, é uma honra homenagear a Escola que para ele contribui com os todos os estudantes de direito. “É uma honra poder homenagear esta instituição que tem contribuído nesses anos com a profissão no estado, o Paulo é um amigo que vem fazendo um ótimo trabalho frente à ESA e nada mais justo do que reconhecer o trabalho desenvolvido pela Escola onde ele está à frente”, enfatizou.

Também participaram da homenagem o Secretário de Estado Extraordinário Juscelino Kubitschek, representando o Governo do Amazonas; o Corregedor da Procuradoria Geral do Município Pablo da Silva; o Diretor da Faculdade de Direito Carlos Alberto de Morais, representando a Universidade Federal do Amazonas (Ufam); a 1ª Tenente e Assessora Jurídica Adriana Darcadia e Presidente da OAB-AM, Marco Aurélio Choy, que destacou a importância de todos os recém-formados ou advogados se especializarem na ESA. “É uma parada obrigatória para todos que atuam ou vão atuar no ramo da advocacia, e nessa época de crise a ESA vem ajudando os profissionais com essa capacitação para o melhor desempenho de sua profissão” finalizou.

Sobre a ESA

A Escola Superior de Advocacia foi instituída pela resolução n° 03, de 1° de agosto de 2001, com a finalidade maior de se firmar como o braço educacional da OAB Amazonas. Atualmente a Escola oferta à comunidade jurídica do estado cursos de atualização que alcançam mais de quatro mil advogados.

Com sete turmas e 400 advogados alunos da Pós-graduação Lato Sensu, a Instituição oferta especialização nas áreas de Direito Civil e Processo Civil, Direito Eleitoral, Direito do Trabalho, Processo do Trabalho e Direito Previdenciário além de Direitos Humanos e Segurança Pública.

 

Fonte: Dircom/CMM

Fofo: Tiago Correa/CMM

Artigo anteriorPresidente Marco Aurélio Choy faz convite especial aos colegas advogados
Próximo artigoReforma Trabalhista será tema de curso promovido pela Escola de Advocacia da OAB-AM